Nestor Goulart é o grande vencedor da 53ª Premiação Anual do IAB-RJ

Autor: IAB-RJ Data: 14/12/2015

Departamento: IAB RJ

A tradicional Festa Anual do IAB-RJ reuniu, na noite de sexta-feira, 11 de dezembro, cerca de 300 pessoas na Casa do Arquiteto Oscar Niemeyer, sede do instituto, para o anúncio dos vencedores da 53ª Premiação Anual e do 32º Prêmio Arquiteto do Amanhã. O IAB-RJ celebrou o arquiteto Glauco Campello, escolhido para receber a Homenagem do Ano, e o diretor do Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas (iBase) Itamar Silva, Personalidade do Ano, e premiou ainda quatro trabalhos.

Nascido em Mamanguape, na Paraíba, mas pernambucano por adoção, Campello viveu e aprendeu em várias cidades, entre elas Recife, Brasília, Milão e Rio de Janeiro. Integrou o time pioneiro da Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap), foi professor titular (anistiado) da Universidade de Brasília (UnB), entre 1988 e 1991, e presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), de 1994 a 1998. Sua produção arquitetônica se destaca pelo uso de formas simples e pelo respeito as pré-existências.

Para a vice-presidente de Administração do IAB-RJ, Fabiana Izaga, o domínio do projeto em todas as suas fases, do estudo à execução, presente na obra de Campello, é motivo de celebração e reconhecimento pelos arquitetos representados no IAB. “Em Glauco Campello, o projeto é acima de tudo ofício. Ofício de rigor e simplicidade. Ofício e oportunidade de investigação do fazer arquitetônico”, disse Fabiana Izaga.

Comovido com homenagem, Glauco Campello declarou respeitar as visões e ações objetivas do IAB-RJ, que sempre buscaram melhorar as condições de vida nas cidades. “Lamento não ter participado mais ativamente dos trabalhos do instituto, mas sou uma pessoa voltada ao trabalho no gabinete, em meu escritório. Porém, nunca deixei de acompanhar o esforço e o trabalho extraordinário desenvolvido pelo IAB-RJ, que enriquece a profissão e nossa atuação política no Brasil”, afirmou Campello.

Liderança histórica do Santa Marta e diretor do Ibase, o jornalista Itamar Silva foi homenageado como Personalidade do Ano por sua militância no movimento de favelas e pela enorme contribuição às discussões da Comissão de Habitação e Assistência Técnica do IAB-RJ ao longo de 2015. “As convicções e ações de Itamar nas favelas cariocas são marcantes. Em suas palavras, a favela é vida, é cultura, é história. Nesse sentido, a favela é cidade”, justificou a vice-presidente de Relações Socioculturais, Cêça Guimaraens.

O presidente do IAB, Sérgio Magalhães, que participou da Festa Anual do IAB-RJ parabenizou o instituto pela festa, pelas figuras homenageadas – Glauco Campello e Itamar Silva – e também pelo resultado das premiações: “Para mim, é extremamente reconfortante ver aqui o esforço de estudantes e jovens arquitetos e de profissionais como o colega premiado Nestor e a equipe do escritório Mindlin, onde iniciei minha vida profissional.”

Com 62 trabalhos inscritos, a 53ª Premiação Anual e o 32º Prêmio Arquiteto do Amanhã voltou a provocar arquitetos e estudantes sobre a Baía de Guanabara, centralidade ambiental importante da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, onde vivem 12 milhões de habitantes.

“Pensar uma articulação e uma aproximação positiva e propositiva dos seres urbanos com contínuos ambientais, como a Baía de Guanabara, é o grande desafio de nossa contemporaneidade. Os recentes acontecimentos em Mariana, em Minas Gerais, e no vale do Rio Doce comprovam a adequação dessa iniciativa. A proposta do IAB-RJ, ao fazer esse incitamento aos arquitetos, é mobilizar o pensamento sobre o desenho do território para reequilibrá-lo em suas oportunidades”, afirmou o presidente do IAB-RJ, Pedro da Luz Moreira.

Veja aqui o Resultado da 53ª Premiação Anual e do Prêmio Arquiteto do Amanhã IAB-RJ 2015


 

Galeria de imagens

Post sem comentários! Comentar o post