Público prestigiou o evento e aproveitou para conhecer as instalações do prédio, que abriu suas portas para visitação.

Após um longo período de restauro, o público pôde conferir de perto no último sábado (19/08) a imponência da construção do Solar Conde de Porto Alegre, atual sede do Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento Rio Grande do Sul (IAB-RS). A obra que iniciou nos anos 2000 passou por diversas gestões. Depois de muitos anos coberto por tapumes, o prédio voltou a fazer parte da paisagem do Centro Histórico, na semana de comemorações do dia do patrimônio cultural. O evento contou com a participação dos componentes da direção da casa, de autoridades municipais e estaduais, e do público, que prestigiou, ainda, diversas atrações culturais.

Diretoria do IAB RS

Revitalizar a fachada de um prédio histórico, que passou por diversas fases e ocupações ao longo da história, demandou pesquisa e o envolvimento de uma equipe multidisciplinar, conforme destacou o arquiteto Lucas Volpatto, responsável pelo restauro, durante a solenidade de inauguração.

“São muitas camadas de história, e foi preciso decifrá-las para dar seguimento ao trabalho. Contamos, inclusive, com o auxílio de artistas especializados para trabalhar com os ornamentos. Acima de tudo foi um aprendizado para todos”, comemora Volpato.

O arquiteto destacou, ainda, que durante o processo de pesquisa histórica, descobriu que o imóvel pertencia, formalmente, à esposa do Conde, a Condessa Bernardina Paiva, a conhecida como Binoca, que herdou o imóvel de seu tio e tutor Ismael Paiva, como presente de casamento.

A arquiteta e diretora financeira do IAB-RS, Rochele Pizzolotto Lyrio, que integrou um grupo de trabalho (GT) de obras, voltado para atender a demanda da fachada, ressaltou, também, o enorme aprendizado e a superação de adversidades. “As reformas como um todo iniciaram em 2020, no meio da pandemia. Melhoramos ambientes internos e a fachada da General Canabarro. E em 2022 iniciamos, então, a etapa final da fachada da Riachuelo. Foi um trabalho coletivo e que ensinou muitas técnicas, e agora podemos mostrar, enfim, para a comunidade”, ressaltou.

A secretaria estadual de cultura, Beatriz Araujo, destacou a importância da restauração da fachada de um prédio histórico, bem como a preservação da memória por meio da valorização do patrimônio. “Queremos continuar, em conjunto com todas as entidades envolvidas e o governo federal, atuar na defesa e na recuperação do nosso patrimônio gaúcho”, disse.

O secretario de cultura de porto alegre, Henry Ventura, disse que “a restauração da fachada do Solar representa uma iniciativa importante na preservação de um patrimônio valioso para a cidade. Essa ação soma-se às intervenções realizadas pelo Município e Estado na região do Centro Histórico, acompanhando um movimento de recuperação de prédios e monumentos icônicos da Capital.

Representando a copresidência feminina do IAB-RS, Paula Motta, enfatizou o grande trabalho nem equipe que culminou na conclusão da fachada.

“Nada se faz sozinha, foi um trabalho coletivo tanto dessa gestão, quanto de nossos antecessores. Foi uma longa caminhada. Agora o prédio se abre para a cidade após presenciar diversas fases de nossa história, e é uma honra fazer parte desse momento”, destacou Paula Motta.

 

A festa foi marcada pelo set da DJ Mari Gonçalves, a apresentação da banda Psycho Delícia, do grupo Tambores de Candombe, por uma intervenção do Grupo Cerco e pela performance do Fanfarra Bate & Sopra.


 

 

Por Ricardo Rodrigues – Ortácio Agência de Comunicação 
Assessoria de Imprensa IAB-RS
Crédito Imagens: Talles Matos e Sabrina Ortácio