IAB-PE critica vandalismo nas dependências da UFPE

Data: 03/01/2017

Departamento: IAB PE

O IAB-PE divulgou manifesto contra os atos de vandalismos no Centro de Artes e Comunicações (CAC) e no Centro de Filosofia e Ciência Humanas (CGCH) da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) na quinta-feira, 29 de dezembro. Os centros foram ocupados por estudantes em outubro, em protesto contra a Proposta de Emenda à Constituição 55, que limita os gastos públicos.
 
O Departamento Pernambuco se diz espantado com a divulgação de paredes pichadas com frases agressivas dirigidas a professores da Universidade. “Na consideração desta diretoria, (a pichação) representa uma expressão de atraso cultural e intolerância política que não condizem com as normas elementares de respeito, inclusão e valorização do contraditório como instrumento de crescimento e desenvolvimento social”, diz o documento.
 
Através do manifesto, o IAB-PE se solidariza com os professores Fernando Diniz Moreira, Maria Luiza Freitas, Guilah Naslavsky e os demais agredidos durante os eventos recentes. O Departamento repudia ainda as agressões escritas nas paredes do CAC, defende a difusão irrestrita da cultura e do conhecimento e condena qualquer manifestação de atraso cultural e social.
 

Galeria de imagens

Post sem comentários! Comentar o post